5 de agosto de 2021 10:41

Vacina Contra a Fome amplia arrecadação de alimentos

Por – Assessoria de Comunicação

O objetivo de arrecadar esses alimentos é para atender as famílias que entraram em risco alimentar durante a pandemia que tem atingido o país desde março de 2020”, disse Silvana.
A secretaria de Promoção e Assistência Social Silvana Silva e a Primeira dama de Andradina Juçara Lopes, anunciaram que vão manter ativa durante toda semana a coleta de alimentos associada a vacinação Covid 19.

“O objetivo de arrecadar esses alimentos é para atender as famílias que entraram em risco alimentar durante a pandemia que tem atingido o país desde março de 2020”, disse Silvana.

Os postos de arrecadação para o ´projeto batizado de “Vacina Contra a Fome” serão nos mesmos locais de vacinação, na Secretaria de Saúde de Andradina e no Posto da Casa da Amizade do Rotary, à rua Paes Leme, 1848.

Vacina
Durante toda esta semana haverá um Drive Thru de Vacinação permanente na secretaria da Saúde. Pelas manhãs serão 50 doses da vacina diariamente aplicadas em pedestres sempre e das 13 e até as 17 horas acontece o drive-trhu para pessoas em automóveis. O Super Drive-Trhu vai acontecer aos sábados das 7 da manhã até as 18 horas.

Hoje começou a vacinação para pessoas com 58 ou mais; na quarta será a vez de 56 anos ou mais, na quinta 54 anos ou mais e na sexta  52 anos ou mais, também no posto de vacinação no centro da cidade, na Casa da Amizade do Rotary, na Rua Paes Leme 1848.

A vacinação também acontece para gestantes com 18 anos ou mais (levar caderneta pré-natal); puérperas com 18 anos ou mais, até 45 dias após o parto (levar certidão de nascimento da criança.

Além desta progressão continua a vacinação de profissionais da educação com 18 anos (se cadastrar no Vacina Já e levar o QR Code impresso) e educadores físicos com 18 anos ou mais (enviar um email para educadorfisicoandradina@gmail.com com CREF ativo e comprovante de residência. A secretaria também está vacinando pessoas com 18 anos ou mais com comorbidades

As vacinas contra a Covid-19 garantem proteção porque previnem a doença, especialmente nas formas graves, reduzindo as chances de morte e internações. Embora não impeçam o contágio e nem a transmissão do vírus, a vacinação é essencial, já que induz o sistema de defesa do corpo a produzir imunidade contra o coronavírus pela ação de anticorpos específicos, segundo a Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm).

Receba Informações na Palma da Sua Mão

Éstá gostando do conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on print
Print