20 de agosto de 2022 00:38

Em Fortaleza, bebê nasce com cauda humana de 12 cm no Hospital Albert Sabin

Terra Brasil Notícias

Um bebê prematuro de 35 semanas, do sexo masculino, nasceu com uma cauda humana de 12 centímetros e uma bola em sua extremidade, no Hospital Infantil Albert Sabin (HIAS), em Fortaleza. A condição, registrada pela primeira vez no Brasil, trata-sede uma anomalia congênita rara. Os médicos que realizaram a cirurgia de remoção relataram o procedimento em um artigo no Journal of Pediatric Surgery Case Reports, publicado em fevereiro.

De acordo com o artigo, a cauda humana removida do bebê cearense é um apêndice cutâneo de 12 centímetros em região paravertebral lombossacra esquerda. Para que o procedimento de remoção fosse realizado, o bebê foi submetido a exames para avaliar se a anomalia tinha alguma relação neurológica, uma vez que “apêndices cutâneos lombossacrais e outras lesões cutâneas são uma indicação importante de envolvimento do sistema nervoso”. A informação é do jornal O POVO.

Não havendo nenhuma alteração neurológica constatada, o procedimento foi realizado sem complicações. “Após a análise clínica e com exames de imagem, nao identificamos nenhum componente neurológico, o que tornou a cirurgia de retirada de menor complexidade”, explicou ao O POVO o Dr. Humberto Forte, médico residente em pediatria que participou do procedimento e da produção do artigo.

Receba Informações na Palma da Sua Mão

Está gostando do conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on print
Print