19 de agosto de 2022 14:44

Após críticas, PT apaga nota de apoio ao ditador Daniel Ortega da Nicarágua

Terra Brasil Notícias

Após receber críticas de opositores e aliados, o Partido dos Trabalhadores (PT) apagou a nota de apoio ao ditador Daniel Ortega, eleito no último domingo (7) para o quinto mandato na Nicarágua, país que comanda desde 2007. A deputada federal Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT, alegou que o texto “não foi submetido à direção partidária”.

No comunicado lançado na segunda-feira (8), o partido saudava “a grande manifestação popular e democrática deste país irmão”. As eleições gerais da Nicarágua foram alvo de denúncias e críticas da comunidade internacional, que denunciou fraudes no processo eleitoral que teve sete candidatos opositores presos.

“Nota s/ eleições na Nicarágua ñ foi submetida à direção partidária. Posição PT em relação qq país é defesa da autodeterminação dos povos, contra interferência externa e respeito à democracia, por parte de governo e oposição. Nossa prioridade é debater o Brasil c/ o povo brasileiro”, afirmou Gleisi, em publicação em suas redes sociais.

Receba Informações na Palma da Sua Mão

Está gostando do conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on print
Print