13 de julho de 2024 21:49

Ex-árbitro, Sandro Meira Ricci elege torcida “mais chata” do Brasil

Foto: Laurence Griffiths / Equipe Getty Images.

Terra Brasil Notícias

Ex-árbitro de futebol, Sandro Meira Ricci revelou qual a torcida “mais chata” do Brasil. Em entrevista nessa quinta-feira (27/4) para o canal Charla Podcast, o ex-juiz citou a pressão imposta pelos torcedores de Figueirense e Sport como as piores.

Ainda assim, ele frisou que, independentemente das reclamações, nada interfere nas decisões da equipe de arbitragem no campo.

“Honestamente, vou te falar um aqui. O Figueirense no Orlando Scarpelli. Mas não é por causa do estádio, necessariamente. Sei lá, é uma torcida chata demais. Reclamava de lateral, na experiência que eu tive. A Ilha do Retiro, do Sport. Mas não é pressão. É algo que você sente, e vira até motivação. Mas o torcedor quer saber: ‘Qual torcida mais interfere?’. Nenhuma”, disse Meira Ricci.

“Eu lembro de uma história na La Bombonera. O argentino acha que é um ser de outro planeta. Ele é convencido. Eu já fiz jogo vazio e lotado. Em um desses lotados, um cara chega e tira onda comigo: ‘Já apitou na Bombonera lotada?’. Eu falei: ‘Apitei no Maracanã lotado. Isso aqui não é nada’. No River, Monumental, a mesma coisa. Fala sério. É tudo estádio com torcida”, completou.

Sandro Meira Ricci entrou para o quadro de árbitros da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) em 2006. Internacionalmente, participou de competições oficiais da FIFA entre 2011 e 2018. Atualmente, trabalha como comentarista de arbitragem.

Créditos: CNN.

Receba Informações na Palma da Sua Mão

Está gostando do conteúdo? Compartilhe

Facebook
WhatsApp
Telegram
Twitter
Email
Print